Ponte de Lima

Em pleno coração do Vale do Lima, a beleza castiça e peculiar da vila mais antiga de Portugal esconde raízes profundas e lendas ancestrais.

As caracteristicas úncias de Ponte de Lima fazem deste vale um jardim natural e espontâneo. Junto ao rio Lima, os choupos e os salgueiros formam autênticas bordaduras. Nas veigas, para além das culturas, os campos enchem-se de flores silvestres, compondo os mais belos "tapetes" floridos de cores limianas: os pampilos amarelos e "borragem" roxa. Nas encostas, entre o verde da floresta sobressaem os tons amarelo e barnco da mimosa, da giesta e do tojo eo tom roxo da urze lilás, rosa e púrpura.

Para além desta maravavilhosa paisagem que nos envolve, na vila encontramos vários Parques e Jardins que compõem, de forma singular, um quadro diversificado de espaços, de plantas e de cores. É a combinação das várias espécies de plantas existentes nas varandas, nos jardins públicos e particulares que tornam Ponte de Lima uma "Vila Florida".

Descobre-se na população limiana um gosto pelos espaços verdes, jardins e flores, de todo invulgar, materializada no arranjo dos seus jardins, no embelezamento das varandas, janelas e caminhos, bem como na vivacidade da sua participação, no conjunto de manifestações culturais e tradicionais, como sejam "Os Maios", "Os Tapetes Floridos", o arranjo de Capelas e Igrejas e as Festas e Romarias.